Cura milagrosas para as varizes? Cuidado com a propaganda enganosa!

varizes-tem-cura

Autor: Dr. Victor Hugo

Médico vascular, especialista no tratamento de varizes e outras doenças vasculares, atuante em Fortaleza, Ceará.

Depois de ver muitas receitas na internet falando sobre
receitas milagrosas e produtos milagrosos para a cura das varizes,
decidi discutir um
pouco com você esse assunto aqui no blog. Mas, antes de
qualquer coisa, as varizes têm cura ou não?

A cura das varizes

“Vic para varizes”, “Gengibre para varizes”, “Receita para acabar com as varizes em 7 dias”, “Caneta de luz azul removedora de varizes”.


Você pode ver essas frases em muitos sites e vídeos do YouTube que prometem uma cura rápida das varizes, “basta comprar o creme xyz ou então a caneta removedora”. Mas você precisa tomar muito cuidado para não cair nesse golpe e saber que infelizmente não existe uma cura milagrosa para as varizes. Então, cuidado com as falsas propagandas da internet.

Hoje existem tratamentos extremamente eficazes e modernos, capazes de eliminar as varizes, porém, varizes é uma doença crônica, com forte influencia genética. Dessa forma, não podemos afirmar que existe uma cura, pois essa é uma doença que requer cuidado constante. Então, assim como outra doença crônica (ex: diabetes), as varizes precisam receber cuidados ao longo de toda a vida do paciente.

como-acabar-com-as-varizes-em-7-dias

Então, se as varizes não tem cura, o que fazer ?


O que ajuda a diminuir o cansaço, dor nas pernas e a ter pernas bonitas e saudáveis é fazer um acompanhamento com um médico vascular especializado em varizes.

Realizar uma avaliação com o angiologista, seguido de um planejamento para o tratamento e melhor escolha do método para o seu caso é fundamental para o sucesso no tratamento. Recomendo sempre que finalizado tratamento, seja ele com laser, espuma.. uma manutenção deve ser feito pelo menos anualmente.

E a cirurgia de varizes?

Retirar as varizes por cirurgia pode até parecer a cura para esse problema, porém podem aparecer novas com o passar do tempo e principalmente se as veias nutridoras não forem retiradas no procedimento.

Existe alguma forma de evitar as varizes?

Existem alguns fatores que aceleram a progressão da doença e seguindo algumas recomendações como as listadas abaixo podem garantir mais tempo livre dessa doença e de seus sintomas, são elas:

  • Evitar o sobrepeso
  • Praticar atividade física regularmente (principalmente para fortalecer a panturillha “o nosso segundo coração”)
  • Evitar ficar longos períodos em pé ou sentado
  • Manter uma dieta balanceada, rica em frutas e verduras e baixa em açucares e produtos industrializados.
  • Usar meias elásticas compressivas

tratamento-de-varizes-gratuito

“Mas, Dr. Victor Hugo, eu posso usar remédios caseiros para tratar as varizes?”

Preciso te lembrar que qualquer remédio indicado no tratamento de qualquer condição, incluindo as varizes, precisa ter comprovação científica de eficácia. Muitos vídeos de remédios caseiros prometem falar como acabar com as varizes em 7 dias, em 10 dias e por aí vai. Porém, você precisa saber que nenhum medicamento, nem os da farmácia, nem os caseiros tem a capacidade de “secar” as varizes.

A principal vantagem das medicações caseiras, geralmente, envolve a hidratação da pele. As pessoas que têm varizes podem ter uma pele mais seca, o que chamamos de “xerose”, por isso elas podem se beneficiar da hidratação, seguido do alívio dos sintomas promovidos por alguns remédios caseiros.

O grande problema dos remédios caseiros para varizes


Por acreditar que esses remédios fazem as varizes desaparecerem, muitas pessoas acabam adiando o tratamento médico. O problema é que isso pode não só piorar as varizes já existentes, como também favorecer o surgimento de outras complicações, com as úlceras venosas.

Assim, quanto antes você buscar o tratamento com um médico especialista, maiores são as chances de manter suas pernas saudáveis e bonitas.

Espero que esse post tenha esclarecido a verdade sobre as promessas milagrosas sobre como curar as varizes. Mas se você ainda tem alguma dúvida, aproveite e cheque minha explicação no YouTube sobre esse assunto.


Um abraço!

Pessoas também leram esses artigos…

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Agendar uma consulta